Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Institucional

Publicado: Quarta, 24 de Janeiro de 2018, 19h54 | Última atualização em Sexta, 28 de Setembro de 2018, 12h45 | Acessos: 625

Missão Institucional

Gerar e disseminar o conhecimento por meio do ensino, pesquisa e extensão valorizando a Educação Profissional Tecnológica em todos os níveis e modalidades, buscando a formação de cidadãos conscientes, críticos e capazes de promover o desenvolvimento sustentável da região Oeste do Pará.

________________________________________________________________________________

Visão

Ser um centro de excelência em educação profissional e tecnológica no Oeste do Pará até 2020.

________________________________________________________________________________

Valores

Excelência na Gestão Pública;

Valorização do Servidor;

Responsabilidade Formação Cidadã para além do mundo do trabalho;

Inovação científica e tecnológica;

Transparência, competência e eficácia;

Ética;

Desenvolvimento Sustentável;

Articulação ensino pesquisa e extensão;

Qualidade Social;

Respeito a diversidade;

Incentivo ao empreendedorismo;

________________________________________________________________________________

Lei de Criação dos Institutos Federais

Portaria que Estabelece a criação dos campi do IFPA

Portaria de Criação do Estatuto do IFPA

Portaria de Autorização de funcionamento do Campus Santarém

________________________________________________________________________________

HISTÓRICO

 

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará - IFPA, representa o sucesso de uma instituição de educação profissional pública, gratuita e de qualidade, que está consolidada na comunidade paraense, brasileira e internacional.
Criado em 23 de setembro de 1909 como Escola de Aprendizes Artífices do Pará, pelo então Presidente da República, Nilo Peçanha, compreendia o ensino primário, cursos de desenho e oficinas de marcenaria, funilaria, alfaiataria, sapataria e ferraria. Em 1930 a Escola de Aprendizes se transformou em Liceu Industrial do Pará e, em 1942, em Escola Industrial de Belém.
Na década de 1960 é transformado em Autarquia Federal com autonomia didática, financeira, administrativa e técnica. Passa a atuar com o Ensino Profissional em nível de 2° grau oferecendo os Cursos Técnicos de Edificações e Estradas, passando a ser chamado de Escola Industrial Federal do Pará, quando foram criados os cursos de Agrimensura e Eletromecânica.
A Escola Técnica Federal do Pará nasce em 1968 e se instala definitivamente na Av. Almirante Barroso, n.º 1155, onde se implanta o curso de Eletromecânica, hoje denominado apenas de Mecânica. Depois vieram os cursos de Saneamento, Telecomunicações e Eletrônica. Em 1997 foi instituída pelo Ministério da Educação, a verticalização da Educação Profissional, em níveis Básico, Técnico e Superior. Em 18 de janeiro de 1999, a Escola Técnica foi elevada à categoria de Centro Federal de Educação Tecnológica – CEFET, com a finalidade de atuar nos níveis e modalidades da educação profissional, ou seja, o Básico, o Técnico e o Tecnológico, sendo o último, equivalente à educação superior.


Com a política de expansão da Educação Profissional Técnica e Tecnológica implementada pelo Ministério da Educação, inicia-se a história do Campus de Santarém, que após a promulgação da Lei Nº 11.892, de 29 de dezembro de 2008, passou a categoria de Instituto, recebendo o nome Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará - IFPA.
Posteriormente, a Portaria Nº 4 de 06 de janeiro de 2009, estabeleceu a criação do Campus de Santarém com o primeiro processo seletivo em 28 de fevereiro de 2010 em que foram ofertados os cursos de Técnico em Aquicultura e Técnico em Pesca na modalidade integrado, Técnico em Saneamento, Técnico em Edificações, Técnico em Mineração, Técnico em Informática e Técnico em Agropecuária nas modalidades integrado e subsequente, Técnico em Guia de Turismo na modalidade subsequente e Técnico em Informática na modalidade integrado Proeja, sendo oferecidas 530 vagas. A aula inaugural aconteceu em 31 de maio de 2010 quando se iniciou, efetivamente, as atividades educativas no Campus. 

            Como cidade Polo da Região Oeste do Pará, o IFPA Campus Santarém tem em sua área de abrangência o atendimento aos municípios de Almerim, Belterra, Mojuí dos Campos, Monte Alegre, Prainha e Santarém, o que faz com que o Campus Santarém tenha importância estratégica para o desenvolvimento da região.

Atualmente, o IFPA – Campus de Santarém atende cerca de 900 alunos, distribuídos entre cursos integrados, subsequentes e Formação Inicial e Continuada.  Sendo que o Campus passou a ofertar em 2018, o curso superior em Engenharia Civil.

 

Segue lista de servidores que atuaram como diretores:

 

Direção Geral:

                        Fernando Antonio Cunha Bastos

                        Herivelto Martins e Silva

                        Fernando Sarmento Favacho

                        Maria José Buchalle Silva

                        Raphael de Miranda Rocha

                        Damião Pedro Meira Filho

 

Direção de Ensino, Pesquisa e Extensão:

                        Fernando Emmi Correa

                        Paulo Cristiano Quaresma Avila

                        Gilsa Pinheiro Rodrigues dos Santos

                        Gilbson Santos Soares

                        Carmem Lucia Leal de Andrade

                        Edivalda Nascimento da Silva

                        Fabricio Juliano Fernandes

 

Direção de Administração e Planejamento:

                        Hugo Ricardo Aquino Sousa da Silva

                        Joao Luiz Costa de Oliveira

                        Glairton Lima Nogueira

                        Maria José Buchalle Silva

                        Alessandro Pereira de Abreu

                        Rondinelle Sousa de Jesus

                        Denise Maythe dos Santos Silva

Fim do conteúdo da página